Pedido de policiamento á SSP-SP

0
45

Um grupo de síndicos da Vila Mascote, Vila Alexandria e Vila Santa Catarina criou um abaixo-assinado para pressionar a Secretaria de Estado dos Negócios da Segurança Pública de São Paulo, para intensificar policiamento com rondas ostensivas nestes bairros.

Os bairros Vila Mascote, Vila Alexandria e Vila Santa Catarina, tornaram-se perigosos nos últimos meses, agravando-se a situação, neste mês de março.
Os índices registrados diariamente pelas autoridades policiais comprovam essa assertiva e não deixam de alarmar a comunidade, que a todo instante pede maior policiamento, justamente para evitar que meliantes, pela certeza de impunidade, continuem a agir.
Diariamente, registra-se através de câmeras instaladas nos Edifícios e Comércios locais, e também no sistema de monitoramento de um aplicativo privado, a Yellowcam, várias ocorrências de furtos, assaltos a mão armada e tentativas de invasão.
Diante do exposto, solicitam nos termos regimentais, à SSP-SP, pedindo determinar providências para intensificar o policiamento nos bairros citados, priorizando-se a realização de rondas ostensivas.

Polícia Militar prende jovem com celulares

A Polícia Militar prendeu em flagrante um jovem, de 20 anos, com sete celulares que haviam sido roubados de seis vítimas, com idades entre 27 e 55 anos, na noite da última sexta-feira (11), por volta das 21h, na avenida Vereador José Diniz.

Os agentes foram informados que haviam motociclistas assaltando pessoas nas regiões de Moema, Vila Mariana e Vila Olímpia, e, durante patrulhamento, localizaram uma Honda/CG, na cor prata, sendo conduzida pelo autor, que estava com uma bag nas costas.

Na abordagem, a bolsa do jovem foi verificada e os celulares foram encontrados. Outro aparelho, que estava no chão da rua, também foi localizado. Os telefones foram apreendidos e restituídos aos donos.

O caso foi registrado como roubo e associação criminosa pelo 27º Distrito Policial.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.