Conta de luz mais cara: é hora de falar sobre o que vem depois disso!

0
89

Além de milhares de novidades sobre a Covid-19 no Brasil e no mundo e os avanços nos estudos para a tão aguardada vacina contra a doença, o noticiário do último mês (junho) foi marcado por um tema que gerou indignação em um número considerável de paulistanos: o aumento na conta de luz. Consumidores de todas as regiões reclamaram do valor da despesa, alegando que ela foi nada mais nada menos que o dobro do cobrado nos meses anteriores.

A ENEL (responsável pela distribuição de energia elétrica em São Paulo) manifestou-se, explicando que, neste mês, houve uma compensação de abril e maio, quando não ocorreu a medição dos leitores em razão da pandemia, e sim a cobrança da média de consumo dos períodos anteriores. Dessa forma, ficou acumulada na conta de junho a diferença entre o consumo que foi estipulado e o que de fato ocorreu nos dois meses. Quem considerar-se lesado pelo método pode solicitar a revisão da conta ou mesmo acionar o Procon-SP.

Assunto esclarecido (ainda que com ressalvas dos consumidores). É chegada a hora de falar sobre inovação, economia, conscientização, redução de consumo, combate ao desperdício e otimização de uso: eficiência energética. Aprendendo sobre o tema e colocando em prática alguns hábitos simples no dia a dia, a temida conta vai finalmente fechar – e não se trata apenas do aspecto financeiro. Mas sim do início de um caminho em direção a um futuro mais sustentável, econômico e consciente, de preservação dos recursos naturais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.