“Quando minha primeira filha nasceu meu maior desafio foi adaptar a minha situação à qual me encontrava”

0
18

Desde 1914, é comum no mundo contemporâneo, a comemoração do Dia das Mães no segundo domingo de maio e mais uma vez esta data mais que especial se aproxima. É nesta época em que muitos filhos prestam homenagens às suas mamães, não apenas aquelas que deram à luz, mas também para as tias e avós, ou seja, todas as pessoas que cumprem esse papel essencial na vida de uma família.

No Brasil, esta comemoração se deu a partir do decreto assinado pelo então presidente da república Getúlio Vargas. Mas, este dia se originou nos Estados Unidos no século XX, através de Anna Jarvis, a fim de homenagear sua mãe, a ativista Ann Jarvis, falecida em 1905.

Mãe de três filhos, a dona de casa Elisângela Silva disse que ao descobrir que estava grávida e seria mãe pela primeira vez foi muito angustiante e ficou sem saber o que fazer a princípio pois “quando eu descobri que estava grávida, eu já não estava mais morando com minha mãe. Ela tinha me expulsado antes, porque encontrou nas minhas coisas anticoncepcionais” disse.

“Quando minha primeira filha nasceu meu maior desafio foi adaptar a minha situação à qual me encontrava. Na época, minha mãe já tinha me cedido um espaço no quintal, onde construí um barraco para morar. Como o barraco não tinha banheiro, sempre que eu precisasse usar, tinha que descer escadas e ir no banheiro da casa de minha mãe e como meu parto foi cesárea, essa situação foi muito complicada até que me recuperei do parto” afirmou emocionada Elisângela Silva.

Apesar de todas as dificuldades enfrentadas na primeira gestação, Elisangela é bem enfática ao dizer que “o meu primeiro dia das mães, foi muito gratificante, eu me senti completa. A maternidade é o sonho de toda mulher e agradeço a Deus porque ele me presenteou com um ser maravilhoso. Pois, minha filha me completou muito. Me senti realizada como mulher”, avaliou a dona de casa.

Nos últimos tempos, com a chegada da pandemia, além do mal que este vírus trouxe para a população e escancarar a desigualdade na sociedade, também pôde ser observado que muitas famílias ficaram mais próximas. No último Dia das Mães, muitos filhos desejaram estar com suas mães e poder dar aquele abraço, mas devido a restrições, tal ato não foi possível.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.