Manifestação em defesa do AE Ceci

0
154

O SINDSEP – Sindicato dos Trabalhadores na Administração Pública e Autarquias no Município de São Paulo, ao lado dos trabalhadores e o Conselho Gestor, realizou ato em frente ao Ambulatório de Especialidades Dr. Alexandre Kalil Yazbek, conhecido como AE Ceci, no dia 16/12/21, contra o desmonte e a tentativa de terceirização da unidade.

O AE Ceci possui uma importância histórica para a região, sendo um complexo de Saúde pública para a comunidade do Planalto Paulista e para toda cidade e estado de São Paulo, referência em diversas especialidades. Entre elas, o tratamento de hanseníase, graças ao empenho, dedicação e luta das servidoras e servidores, que ao longo dos anos não permitiram que este complexo fosse entregue a iniciativa privada.

Porem, recentemente, souberam do processo da retirada da UBS do complexo Ceci, o que deixou a comunidade preocupada. O Sindesp acompanha ao longo dos anos diversos processos de terceirização e, via de regra iniciam-se com o desmonte dos setores.

“Defendemos veementemente o SUS e exigimos acesso imediato aos pareceres técnicos que subsidiam a entrega da UBS Milton Santos para a terceirização e que o debate seja público, com ampla participação do Conselho Gestor, que já se posicionou como contrário a tal proposta”.

Na mesma data foi enviado pelo Conselho Gestor do Complexo Ceci (Av. Ceci, 2235 – Planalto Paulista) um ofício (Doc. 09/2021) ao Ministério Público Estadual, aos cuidados do Dr. Arthur Pinto Filho – Promotor da Saúde Pública.

No conteúdo do documento citam a falta de informação e ainda a discussão com o conselho, que sempre reivindicou mais UBS na região sem desativação de nenhuma e sempre pela administração direta. E colocou que as instâncias Supervisão Técnica de Saúde VM/JA, Coordenadoria de Saúde da Região Sudeste e Secretaria Municipal de Saúde, se ausentaram nas duas reuniões onde foram chamados, dia 09/12/21 e dia 16/12/21.

            E lamentaram que já estão transferindo prontuários de insumos, fraldas, sondas à revelia da população, que já sofre demais com a falta constante destes materiais. Segundo eles, numa atitude desrespeitosa e acrescentam que a “UBS Ceci foi conquista da população que reside ao redor do  equipamento e não pode sair de lá”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.