Foi dada largada para as obras no Autódromo de Interlagos

0
16

De 12 a 14 de novembro, o Autódromo José Carlos Pace (Interlagos) receberá uma das provas mais esperadas do automobilismo mundial: o Grande Prêmio São Paulo de Fórmula 1. E os preparativos para receber esse grande evento tiveram início na última sexta-feira (27), data em que a SPObras emitiu a ordem de serviço para início das obras. Sob a supervisão conjunta da SPObras e da organização do GP, serão realizadas intervenções na pista, no pitlane (área à frente dos boxes) e nas instalações permanentes. O valor contratual das obras é de R﹩ 10,5 milhões, provenientes de recursos municipais.

Todos os anos, o circuito de Interlagos passa por obras para atender, principalmente, as exigências da FIA – Federação Internacional de Automobilismo e fazer com que o autódromo siga dentro dos padrões da categoria. Entre as melhorias, estão previstas a recuperação do pavimento e o recapeamento asfáltico da pista em pontos localizados, além da adequação e complementação da sinalização horizontal e vertical do Circuito. Também será feita a revisão geral e adequação dos dispositivos de proteção e segurança. Entre os elementos que passarão por manutenção estão as defensas metálicas (guard-rails), barreiras de pneus, grades de proteção e segurança e lavadeiras (zebras).

As obras incluem, ainda, serviços gerais de manutenção predial nas instalações permanentes, que consistem no conjunto de edificações e demais estruturas existentes no Autódromo, como o Centro de Transmissão de TV, Centro de Controle Operacional, Centro de Mídia, cabines dos comentaristas etc.

Modernização das instalações

Principal palco brasileiro do automobilismo, motociclismo e de grandes eventos nacionais e internacionais, o Autódromo de Interlagos passou por obras de modernização em sua infraestrutura, concluídas em janeiro de 2021 pela SPObras. Foram realizadas a remodelação dos boxes e a construção de uma nova cobertura na área do paddock (espaço destinado às equipes, veículos, oficiais de prova e convidados).

A estrutura dos boxes existentes foi ampliada para aumentar sua altura, a fim de garantir um pé direito livre de 3 metros para adequá-los a receber todos os tipos de equipamento, garantindo mais mobilidade e melhores condições de trabalho e segurança às equipes de apoio e de operação de eventos. Os boxes também passaram a contar com divisórias móveis no lugar das paredes. Com essas novas estruturas modulares, as equipes podem dispor do espaço da forma que julgarem mais conveniente.

Para levar mais conforto ao público e aos profissionais que trabalham durante os eventos no Autódromo, também foi construída uma cobertura de cerca de 20 mil m² para proteger toda a área a área do paddock, alameda atrás dos Boxes e do Edifício de Apoio.

As obras tiveram investimento de R﹩ 46 milhões, com recursos oriundos dos Governos Municipal e Federal, por meio do Ministério do Turismo.

Com a modernização, Interlagos deixa de ser apenas um espaço de eventos esportivos e automobilísticos, para se tornar também um centro de eventos e convenções.

Um estudo da Fundação Getúlio Vargas estima que a corrida de 2021 deve gerar cerca de 8 mil empregos temporários na cidade diretamente relacionados à competição e movimentar R﹩ 670 milhões, promovendo o aquecimento de diversos setores econômicos, como os de turismo e de eventos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.