21/04/2018

O Jornal Mídia Kit Anuncie Edição Digital Fale Conosco
Receba nossa newsletter

21/04/2018



Festival Galpão na Rua

Publicado em 09/04/2017

Legenda

 

“Os primeiros participantes chegam logo cedo, principalmente a criançada, apesar das atividades do festival Galpão na Rua só começarem às 10 da manhã. A preocupação de quem chega cedo é garantir um lugar na fila da mecânica comunitária: nesse mutirão vários mecânicos e mecânicas de bicicleta fazem os reparos básicos para a galera do lado voltar a pedalar e a disputa é grande”.

 

A mecânica é uma das atividades que o Aromeiazero organiza junto com outros parceiros do Galpão da Bike, projeto que fomenta a cultura e a geração de renda através da bicicleta no bairro da Vila Santa Catarina. Além do dia a dia, realizam eventos artísticos e culturais abertos à comunidade, disponibilizando uma biblioteca comunitária com ações de incentivo a leitura, melhorias na rua, como jardinagem, grafites, estabelecendo relação com pequenos comerciantes locais (bicicletarias, serralherias, etc.) e atendimento à crianças e jovens (15 a 20 pessoas), que ficam no local aprendendo e ajudando na manutenção.

No dia 18 de março foi realizado atividades e food bikes parceiras do Aromeiazero (o Bike Burger, Bike Café e Brownie Affairs) que levaram comida para os voluntários e e ofereceram com um bom preço para o público.

Rua dos Paulistanos, 111. Vila Santa Catarina

Saída de pedal em grupo às 9h do Largo da Batata

 

O Galpão

O Galpão começou como um lugar para ajudar a guardar bicicletas que eram recolhidas, desde 2011, nos projetos do Instituto Aromeiazero, já que as mesmas ficavam guardadas na casa dos fundadores, em espaços dos parceiros e outros locais emprestados.  Em julho de 2015, o galpão foi alugado para, não só armazenar as bicicletas espalhadas pela cidade, mas para se transformar em um centro de fomento à bicicleta na comunidade, que fosse mantido pela renda gerada através da própria bicicleta. Um ano depois conseguiu o patrocínio do Itaú para seu funcionamento pleno de um ano, fundamental para o início de qualquer projeto.  Realiza algumas atividades básicas para fomentar a região em que está inserido e gerar renda: cursos de mecânica e empreendedorismo, prestação de serviços de empréstimo, aluguel e venda de bicicletas, triagem, separação e conserto das bicicletas doadas, participação em eventos e desenvolvimento local.

O espaço fica próximo ao aeroporto de Congonhas, Vila Santa Catarina, também marcado pela desigualdade social.

Aromeiazero

O Aromeiazero é uma organização sem fins lucrativos que promove a bicicleta como instrumento de transformação social, cultural e pessoal, estimulando a diversidade e a colaboração.  

Sua missão é promover uma visão integral da bicicleta, não só como transporte, mas também como  expressão artística, oportunidade de renda, lazer, esporte e também como ferramenta de mudança no modo de vida e humanizando as relações nos centros urbanos.

Buscam diversas fontes de renda para viabilizar as ações, desde o patrocínio institucional do Itaú desde 2015, passando por outras empresas e fundações que investem em projetos e pessoas que apoiam com dinheiro, bicicletas e equipamentos para o Aro.

 

CRIA Conexões

A C.R.I.A. é uma agência e operadora de Ciclo Turismo, credenciada pelo Ministério do Turismo e fundada por Fagner Saturno, Guia de Turismo (26.024200.96-8) especializado em Ciclo Turismo Urbano, tendo conduzido um total de mais de seis mil pessoas com segurança pela cidade. Atuam desde 2013 conduzindo grupos pela cidade de São Paulo e outros lugares do Brasil.

 

 

 

FECHAR

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade