18/03/2019

A Editora Mídia Kit Edição Digital Fale Conosco

18/03/2019



Mancha Verde campeã do carnaval e Barroca Zona Sul vice campeã do grupo de acesso 1

Publicado em 08/03/2019

Pela primeira vez, a Mancha Verde é campeã do carnaval.

Pela primeira vez, a Mancha Verde é campeã do carnaval. A escola, que este ano realizou um espetáculo de cores e simbolismo, resgatando a luta pelos direitos dos negros e das mulheres, conquistou a nota máxima de 270 pontos e seu primeiro título. 

A escola que foi a terceira a entrar na passarela do samba no dia 01/03, no Sambódromo do Anhembi, contou com alegorias riquíssimas e para o seu carnaval contou com um investimento de mais de R$ 3 milhões da patrocinadora do Clube  do Palmeiras. A disputa foi acirrada vindo no final da apuração o mesmo resultado da Vice Campeã Dragões da Real que conquistou 269,90 pontos.

Campeã: Mancha Verde - Vice-campeã: Dragões da Real - 3º: Rosas de Ouro - 4º: Unidos de Vila Maria - 5º: Império de Casa Verde - 6º: Águia de Ouro - 7º: Acadêmicos do Tatuapé - 8º: Mocidade Alegre - 9º: Gaviões da Fiel - 10º: X-9 Paulistana - 11º: Colorado do Brás - 12º: Tom Maior. Em 13º e 14º rebaixadas para o Acesso em 2020 foram a Acadêmicos do Tatuapé e Vai Vai

Grupo de Acesso

A Campeã do Grupo de Acesso 1 foi Pérola Negra e a vice Campeã Barroca Zona Sul.

Com 269,5 pontos, a agremiação conquistou o título ao apresentar na Avenida o enredo: “Da majestosa África, tu és negra mulher guerreira a verdadeira Pérola Negra”. Em segundo lugar, ficou a Barroca Zona Sul, que cantou o tema: “OkêArô”, e também garantiu uma vaga no especial em 2020, com 269,3 pontos.

Barroca Zona Sul

Terceira escola a cruzar o Sambódromo do Anhembi no domingo (03), a Barroca Zona Sul apresentou o enredo “OkêArô”, desenvolvido pelos carnavalescos Carlos Pereira, Fernando Dias e Rogério Monteiro.

A tradicional agremiação verde e rosa fez uma reverência à Oxóssi, o termo significa “Salve o grande caçador”, e é saudação ao Orixá.

Depois de passar por mudança de endereço da quadra a escola que teve que deixar seu espaço na Avenida Professor Abrão de Morais e se instalar em uma quadra improvisada na Avenida Engenheiro Armando de Arruda Pereira, 3284 (atrás do Corpo de Bombeiro do Jabaquara) conquistou a comunidade que levou para a passarela do samba a alegria e vontade de estar de volta ao grupo especial realizando um desfile merecedor da colocação.

Subprefeitura Jabaquara

O Subprefeito do Jabaquara Arnaldo Faria de Sá esteve na quadra da escola no dia 06/03, para dar os parabéns aos seus diretores e firmar apoio a nova escola de samba do Jabaquara.

Resultado do Acesso 1- Campeã: Pérola Negra - Vice-campeã: Barroca Zona Sul - 3º: Nenê de Vila Matilde - 4º: Independente Tricolor - 5º: Mocidade Unida da Mooca - 6º: Camisa Verde e Branco - 7º: Leandro de Itaquera. Rebaixada para o Acesso 2 em 2020, ficou a Unidos do Peruche.

Já o Acesso 2, teve como campeã a Estrela do Terceiro Milênio, escola da zona sul do bairro do Grajau

 

Mancha Verde campeã do carnaval e Barroca Zona Sul vice campeã do grupo de acesso 1

Publicado em 08/03/2019

Pela primeira vez, a Mancha Verde é campeã do carnaval.

Pela primeira vez, a Mancha Verde é campeã do carnaval. A escola, que este ano realizou um espetáculo de cores e simbolismo, resgatando a luta pelos direitos dos negros e das mulheres, conquistou a nota máxima de 270 pontos e seu primeiro título. 

A escola que foi a terceira a entrar na passarela do samba no dia 01/03, no Sambódromo do Anhembi, contou com alegorias riquíssimas e para o seu carnaval contou com um investimento de mais de R$ 3 milhões da patrocinadora do Clube  do Palmeiras. A disputa foi acirrada vindo no final da apuração o mesmo resultado da Vice Campeã Dragões da Real que conquistou 269,90 pontos.

Campeã: Mancha Verde - Vice-campeã: Dragões da Real - 3º: Rosas de Ouro - 4º: Unidos de Vila Maria - 5º: Império de Casa Verde - 6º: Águia de Ouro - 7º: Acadêmicos do Tatuapé - 8º: Mocidade Alegre - 9º: Gaviões da Fiel - 10º: X-9 Paulistana - 11º: Colorado do Brás - 12º: Tom Maior. Em 13º e 14º rebaixadas para o Acesso em 2020 foram a Acadêmicos do Tatuapé e Vai Vai

Grupo de Acesso

A Campeã do Grupo de Acesso 1 foi Pérola Negra e a vice Campeã Barroca Zona Sul.

Com 269,5 pontos, a agremiação conquistou o título ao apresentar na Avenida o enredo: “Da majestosa África, tu és negra mulher guerreira a verdadeira Pérola Negra”. Em segundo lugar, ficou a Barroca Zona Sul, que cantou o tema: “OkêArô”, e também garantiu uma vaga no especial em 2020, com 269,3 pontos.

Barroca Zona Sul

Terceira escola a cruzar o Sambódromo do Anhembi no domingo (03), a Barroca Zona Sul apresentou o enredo “OkêArô”, desenvolvido pelos carnavalescos Carlos Pereira, Fernando Dias e Rogério Monteiro.

A tradicional agremiação verde e rosa fez uma reverência à Oxóssi, o termo significa “Salve o grande caçador”, e é saudação ao Orixá.

Depois de passar por mudança de endereço da quadra a escola que teve que deixar seu espaço na Avenida Professor Abrão de Morais e se instalar em uma quadra improvisada na Avenida Engenheiro Armando de Arruda Pereira, 3284 (atrás do Corpo de Bombeiro do Jabaquara) conquistou a comunidade que levou para a passarela do samba a alegria e vontade de estar de volta ao grupo especial realizando um desfile merecedor da colocação.

Subprefeitura Jabaquara

O Subprefeito do Jabaquara Arnaldo Faria de Sá esteve na quadra da escola no dia 06/03, para dar os parabéns aos seus diretores e firmar apoio a nova escola de samba do Jabaquara.

Resultado do Acesso 1- Campeã: Pérola Negra - Vice-campeã: Barroca Zona Sul - 3º: Nenê de Vila Matilde - 4º: Independente Tricolor - 5º: Mocidade Unida da Mooca - 6º: Camisa Verde e Branco - 7º: Leandro de Itaquera. Rebaixada para o Acesso 2 em 2020, ficou a Unidos do Peruche.

Já o Acesso 2, teve como campeã a Estrela do Terceiro Milênio, escola da zona sul do bairro do Grajau

 

FECHAR

 
Publicidade